Page Nav

HIDE
");});

Publicidade(TOPO)

Publicidade

Amiga de adolescente baleada por marinheiro em motel detalha o crime

Em entrevista, a adolescente conta que o acusado ofereceu bebidas alcoólicas para elas no motel. Ele diz que disparo foi acidental


Foto: Reprodução


A adolescente de 15 anos que levou um tiro na boca em um quarto de motel na cidade de Vigia, no nordeste paraense, continua internada no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém, nesta segunda-feira (25/4). A jovem já passou por diversas cirurgias. O suspeito de ter efetuado o disparo é o militar da Marinha Gabriel Norberto de Almeida Lobo, que está preso preventivamente.


O caso continua sendo investigado pela Polícia Civil. Uma amiga da vítima, que também é menor de idade e estava no mesmo estabelecimento com um amigo do atirador, contou detalhes sobre o que aconteceu no último dia 21 de abril, quando a garota foi ferida.


Na declaração da amiga, que está na condição de testemunha, não é revelado a motivação do disparo. No entanto, num determinado momento, ela contou que o militar havia colocado a arma na boca da vítima. “Ele já estava bebendo e ofereceu bebida para a gente”, contou. “Perguntou a nossa idade. eu falei que tinha 14 e a minha amiga 15”, disse. Leia mais no DOL.


Por Diário Online/Metrópoles

Nenhum comentário

Campanha